Participe, faça o Registro - clique em Seguir - é grátis

Para encontrar um assunto no blog digite uma palavra abaixo em Pesquisar ou acesse arquivos.

Pesquisar este blog

Mais assuntos acesse Arquivos do Blog

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Décimo dia de greve dos Servidores de Joinville

Após dez dias de greve dos servidores públicos do município de Joinville não houve acordo entre as partes, ou seja, a Prefeitura diz que está no limite da proposta e a parte da categoria em greve diz que é possível dar a inflação mais 8% de ganho real e aumento do vale alimentação.
 
Houve debate na câmara de vereadores no dia 28/05/2014 onde vereadores usaram a tribuna para defender o executivo, outros para defender a categoria e ainda alguns para fazer política em prol de alguns votos na próxima eleição.
 
A Prefeitura de Joinville fez a proposta de dar o índice inflacionário de 5,82% mais um aumento de 30% no percentual do vale alimentação...os servidores em greve não aceitam tal situação.
O Tribunal da Justiça de Santa Catarina com um primeiro recurso impetrado pela prefeitura ordenou que o sindicato mantivesse no mínimo de 40% dos serviços essenciais. A prefeitura ainda entrou com outra reivindicação para o TJ-SC para que houvesse 100% de atendimento nas áreas da saúde e educação e que os grevistas deveriam permanecer 500 metros de distância de órgãos públicos o que foi acatada pelo TJ...a categoria ignorou a decisão e entrou com recurso e vai protocolar o processo no Supremo Tribunal Federal.
 
Com esta queda de braço quem na verdade sai perdendo é a população...muito mais quem precisa de atendimento nos hospitais, pronto atendimentos e postos de saúde...além das crianças que são prejudicadas nos seus estudos...
 
O executivo municipal não nega em dar o índice inflacionário o que na verdade é de direito e o sindicato diz que quer mais e instiga os servidores a paralisar as atividades mesmo que sejam essenciais....a greve ou a situação que está aí não foi provocada pelo executivo como muitos querem repassar para a população...ora se a prefeitura atende o índice de inflação ele está fazendo sua obrigação e sem dúvida se os grevistas conquistarem mais vantagens é para o bem da categoria e não da população.
As leis, normas e regulamentos sempre precisam de ajustes e nada mais necessário nas manifestações (greves) que já estão ultrapassadas virando mais anarquia do que protestos...ora uma greve é para mostrar e manifestar a insatisfação de alguma coisa e para que isto se apresente não é necessário ser realizado durante o expediente de trabalho...quem deseja realmente chamar a atenção não precisa prejudicar toda uma população.
É de se pensar realmente...as pessoas atualmente (seja em ambos os lados) estão preocupadas no bem estar como um todo ou só por interesses e vantagens pessoais?

Nenhum comentário: